24 | 06 | 2018
RedGlobe Notícias
Venezuela aktuell
Statistics

Today: 10806

Yesterday: 29000

Since 01/06/2005: 41163445

Os saldos do golpe contra o país seguem e são brutais. A gestão Temer erra e quem paga a conta é o povo.

Em prenunciamento nesta quinta (31), Michel Temer anunciou de onde vai tirar os recursos para compensar o Diesel, que teve aumentos abusivos em função da política de aumentos dos combustíveis. O impacto de R$ 9,5 bilhões.

Entre as medidas, o governo informou que vai reduzir o subsídio do Programa de Reintegração de Valores Tributários para Empresas Exportadoras (Reitengra) de 2% para 0,1% e revogar o chamado Regime Especial da Indústria Química (Reiq) O impacto será de R$ 740 milhões para os cofres públicos.

De acordo com o jornal O Estado de S. Paulo, o governo cortou incentivos para setores da indústria para bancar os R$ 13,5 bilhões destinados aos subsídios ao diesel.

A solução encontrada pelo governo mais uma vez é reduzir ainda mais as políticas sociais que atendem a população mais carente do país. O efeitos dos cortes realizados em 2017 do Orçamento Geral da União (OGU) geraram crises com impacto brutal na infraestrutura do país e no funcionamento de serviços como a fiscalização contra o trabalho escravo, por exemplo.

O cenário que se desenha para este ano é ainda pior. Os cortes avançaram em setores como Saúde e Educação e a gestão de políticas de juventude e para mulher estão em xeque.

Portal CTB - Com informações da RBA

Fonte:

Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB)

Real time web analytics, Heat map tracking